Dois anos em números

mapa.jpg
mapa de acessos ao site (Google Analytics)

O dia do aniversário de Jorge de Sena é também o de nosso site. Hora, portanto, de nosso balanço anual.

Em dois anos de Ler Jorge de Sena, foram mais de 100 atualizações semanais, com um total de 375 entradas de conteúdo, entre escritos de Jorge de Sena e a produção acadêmica sobre sua obra. Só na seção dedicada à poesia, já são 219 poemas, em 45 antologias. Apenas neste segundo ano, já publicamos 33 estudos (ao todo, 64), divididos entre as seções [LER E RELER JS] e [JS LIDO NA UFRJ]. Assinados por estudiosos renomados ou jovens pesquisadores, os artigos que compõem nosso acervo tratam das mais diferentes facetas da obra seniana, indo da poesia e suas pontes ecfrásticas ao caráter biográfico de sua produção, de Sinais de Fogo ao Físico Prodigioso, da correspondência ao teatro, passando por temas tão diversos quanto o cinema, a ciência, e suas relações e pontos de contato com diversos outros autores (Unamuno, Borges, Pessoa, Vergílio Ferreira, Maria Gabriela Llansol, David Mourão-Ferreira, Carlos Drummond de Andrade, Jorge Amado, etc.). Sobre o homem, o professor, o amigo e, até mesmo, sobre o escritor Jorge de Sena, já são mais de 30 depoimentos na seção Testemunhos, metade deles em vídeo, em gravações feitas exclusivamente para o site e nosso canal no Youtube.

Todo esse material já recebeu, ao longo destes dois anos, 36.750 visitantes, oriundos de mais de 1500 cidades espalhadas em mais de 100 países. Em comparação aos números de um ano atrás, em que contávamos com 12.000 visitantes, o crescimento é bastante significativo. A maioria dos visitantes ainda é brasileira, mas a cidade com maior número de acessos é Lisboa. 70% de nossos visitantes chegam através de pesquisas no Google e em outros sites de busca. Dos cerca de 16.000 termos de busca utilizados, os mais frequentes são “Jorge de Sena”, “Ler Jorge de Sena”, “poemas políticos”, “portugal democrático”, “homenagem ao papagaio verde”, “jorge de sena poemas”, “estudos sobre jorge de sena” e “carta a meus filhos sobre os fuzilamentos de Goya”.

Do restante de nosso público, 14% chega através de nosso mailing list, e os outros 16%, como no ano passado, devemos ao apoio de tantos sites e blogs, bem como a leitores que reduplicam nossas mensagens em sites de relacionamento (facebook, twitter, scoop.it, yahoo groups, etc.). Pelas citações e links em portugaldospequeninos.blogspot.com, lereduardolourenco.blogspot.com, pequenamorte.com, autoreselivros.wordpress.com, etudeslusophonesparis4.blogspot.com, espacollansol.blogspot.pt e mais 342 fontes espalhadas pela rede, agradecemos o apoio e a divulgação.

Avançamos bastante com relação ao último ano. Esperamos continuar contando com a ajuda de cada leitor e cada colaborador do site, para que o próximo balanço anual seja ainda melhor.